Imprimir
PDF
clareamento

 

Todos os dentes naturais podem ser clareados. Mas a resposta ao clareamento depende do tipo de pigmento presente nos dentes.

Os dentes se enquadram em 4 tipos de cores. Os dentes “amarelos” são os que apresentam melhor resposta. Já os “cinza” são os que apresentam resposta menos intensa. Mas todos respondem e ficam mais claros.

Perguntas frequentes sobre Clareamento

1. Por que meus dentes são escuros?
As causas do escurecimento dental são muitas:
a) genética (você pode ter herdado a cor dental escura dos seus pais).
b) alimentação (alimentos como café, vinho tinto, coca-cola, açaí, beterraba, etc podem causar escurecimento dental).
c) fumo (é… fumar não faz mal só para os pulmões!)
d) medicamentos (exemplo: tetraciclina administrada na época em que os dentes estão sendo formados, ou seja, antes dos 12 anos).
e) idade (à medida que o tempo passa os dentes escurecem).
2. Meus dentes podem ser clareados?

Todos os dentes naturais podem ser clareados. Mas a resposta ao clareamento depende do tipo de pigmento presente nos dentes. Os dentes se enquadram em 4 tipos de cores. Os dentes “amarelos” são os que apresentam melhor resposta. Já os “cinza” são os que apresentam resposta menos intensa. Mas todos respondem e ficam mais claros. Na foto abaixo os dentes do arco superior foram clareados antes dos inferiores para mostrar a mudança (os dentes superiores eram da mesma cor dos inferiores).

clareamento01

3. Como funciona o clareamento dental?
Um peróxido (produto que libera oxigênio) é aplicado sobre os dentes. Ao penetrar na estrutura dental (esmalte e dentina), o peróxido quebra as moléculas de pigmentos causadores do escurecimento dental.
4. Como posso clarear meus dentes?
Existem 2 processos básicos:

a) No consultório (chamado de “Clareamento a laser”): os dentes são isolados com uma resina especial para proteger a gengiva, um peróxido forte é aplicado sobre os dentes (peróxido de hidrogênio a 35%) e um raio laser é usado para ativar o peróxido e diminuir a sensibilidade que o peróxido causa nos dentes. Duas sessões de 90 minutos, espaçadas em 3 ou 4 dias, geralmente são suficientes para se obter o clareamento dental. Importante ressaltar que o laser NÃO CLAREIA os dentes. Quem faz o clareamento é o peróxido. O laser é apenas um acelerador do processo e também uma forma de diminuir a sensibilidade dental.

b) Em casa (autoaplicação): Os arcos dentais são moldados e moldeiras (capas para os arcos dentais) são confeccionadas (uma para o arco superior e outra para o arco inferior).  Junto com as moldeiras, são fornecidas seringas de peróxidos fracos (peróxido de carbamida a 10, 16 ou 22%). A pessoa aplica o peróxido nas moldeiras e posiciona as moldeiras sobre os arcos dentais antes de dormir (é possível fazer esse processo durante o dia também, mas deve haver restrição alimentar durante algumas horas). As moldeiras devem permanecer em posição durante pelo menos 4 horas. Mas não há problema em mantê-las em posição a noite toda. São necessárias em torno de 25 noites de aplicação para o resultado máximo. Mas nas primeiras 2 noites já é possível notar uma grande mudança na cor dental (na verdade, a maior parte da mudança de cor ocorre dentro da primeira semana de uso).

clareamento03

clareamento04

5. Quais são as vantagens e desvantagens de cada método?
a) Clareamento “a laser”:
Vantagens: mais rápido.
Desvantagens: maior custo ($), geralmente causa mais sensibilidade, dura menos tempo se comparado com o clareamento de autoaplicação (é como comparar uma dieta radical com uma de mais longo prazo).

b) Clareamento de autoaplicação:
Vantagens: menor custo ($), geralmente causa sensibilidade mínima, dura mais tempo se comparado com o clareamento “a laser”.
Desvantagens: tempo de tratamento.

6. Há alguma restrição alimentar durante o tratamento de clareamento?
Sim, deve-se evitar a ingestão de alimentos corantes em excesso (como café, vinho tinto, coca-cola, açaí, beterraba, etc.).
7. Os produtos usados no clareamento dental são seguros à saúde geral?
Sim. Como outros produtos e medicamentos usados na Medicina e na Odontologia, esses produtos usados no clareamento dental não promovem nenhum prejuízo à saúde geral, desde que usados corretamente.
8. O dente clareado fica enfraquecido?
Não. A estrutura dental não é afetada.
9. O clareamento dental altera as restaurações já existentes?
Não. Mas talvez as restaurações precisem ser trocadas ou retocadas, pois não serão clareadas e parecerão mais escuras frente aos dentes clareados, causando desarmonia estética.
10. O dente clareado pode escurecer novamente?
Sim, mas nunca como era antes. Após 1 a 2 anos pode haver necessidade de uma manutenção, que é feita em 2 ou 3 noites.
11. Existe alguma contra-indicação ao clareamento dental de autoaplicação?
Por precaução, deve-se evitar o tratamento em gestantes e lactantes.

Sobre o Consultório

O Sorriso Bonito é um Consultório Odontológico acolhedor em ambiente familiar onde nossos pacientes se sentem à vontade e confiantes em nosso trabalho.

Leia mais...
Nós temos 2 visitantes online